terça-feira, 11 de agosto de 2009

Era só uma gripe...

- - -
e agora é uma eternidade de silêncio daqueles que abruptamente partiram e nunca mais vão voltar - - -
e amanhã? - -

4 comentários:

Ana Paula disse...

sim. acredito que a situação e mais séria do que a mídia diz. Creio que seja mentira quando diz que está tudo sob controle. tá nada! boa sorte pros humanos. e beijos pra ti.

a_girl_feeling disse...

É mesmo Ana, a gente não sabe o que nos aguarda, só temos estimativas e a certeza de que somos frágeis... bjsss querida!

Anônimo disse...

Com as mutaçoes e sempre, uma gripe nunca foi só uma gripe... Esta sempre deixou pessoas irem, ao longo de anos isso acontece... Nós, acostumados a este clima umido e frio, acostumamo-nos a ir ao trabalho, a escola, a reunioes mesmo com uma gripe ou resfriado quando poderíamos melhor nos cuidar e ao nosso px tb!!! Talvez aqui venha um lembrete para nos reavivar a etiqueta respiratória e o qto realmente, como vcs comentam, somo fragéis. A vida está no fio da navalha, todos os dias! Por isso, "é preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã"

a_girl_feeling disse...

Anônimo, independente das complicações, das "mutações e sempre" eu gosto de pensar que uma gripe, é só uma gripe. Eu levantei este assunto, porque ao longo dos anos, essa realidade triste nunca esteve tão próxima de mim, tampouco me afetado com tanto impacto. Concordo que as boas maneiras e a educação sempre foram fundamentais e agora, mais do que nunca, vitais. Obrigada pela visita!