quarta-feira, 24 de junho de 2009

Desafogo

Passados três meses da minha última doação de sangue, hoje novamente fui ao Hospital São Vicente de Paulo para fazer uma nova doação. Eu cheguei lá as 17:20h, o horário de atendimento é até as 17:30h. Até aí tudo bem, pelo menos assim considero.


Uma das enfermeiras veio até a sala de espera e chamou as pessoas que iriam doar, ao ver que três pessoas aguardavam para tanto, arregalou os olhos e fez um comentário muito infeliz na minha opinião: “nossa tudo isso?! que horas que a gente vai sair daqui hoje?” Fiquei pensando se era o caso de deixar esperando quem precisa de sangue e voltar outra hora, já que aquele pessoal ali tinha que desesperadamente ir embora! Tá vai, to sendo irônica e sei que existe um banco de sangue à disposição de quem necessita, mas que falta de bom senso dessa moça, vamos combinar!


Daí veio a outra enfermeira, que na hora de picar meu dedo tentou ser engraçadinha, mas não convenceu e mais uma vez provou que a balança daquela sala é só de enfeite, quando eu disse que não tinha certeza do meu peso, (pow não sou modelo, não fico me pesando toda hora) mas whatever, mais de 50kg era tudo que ela precisava saber. Depois veio a hora das perguntas, mas pra variar, não houveram perguntas, a enfermeira foi lendo (certo que ela sabe aquilo de cor e salteado) um questionário e assumiu que quase tudo fosse "não". Incrível! O que me faz questionar, se as pessoas que recebem transfusão de sangue podem se sentir 100% seguras!!! Eu particularmente ficaria muito receosa.


Mas é a sequência dos fatos o que mais me entristece e agonia e com grande pesar, me faz declarar que não tenho motivação nenhuma pra voltar a doar sangue. Sim, porque realmente, eu gosto de ir doar, eu considero importante e acredito que seja valioso para quem precisa dessa doação. Confesso que das outras vezes que doei, me pareceu que o descaso das enfermeiras fosse um mero reflexo de quem está tendo um-dia-daqueles e achei melhor relevar.


Só que hoje, então, veio a terceira enfermeira e vi que ela limpou o braço com sangue do senhor da minha direita e depois veio com a mesma luva colocar a agulha no meu braço e com essa mesma luva foi preparar a outra doadora a minha esquerda. Pelamor-de-deus, o meu dentista usa uma luva pra mexer na minha boca mesmo quando não há um procedimento que envolva sangue e se ele toca em algum papel, como a minha ficha, ele troca de luva. Faça-me o favor! Lamentavelmente, ao contrário dos inúmeros cartazes e adesivos com ilustrações de gotas de sangue com uma smiley face convidando, saudando, incentivando e agradecendo a doação, as pessoas trabalhando em prol disso, pelo menos no Hospital São Vicente de Paulo, de Passo Fundo, agem como se estivessem fazendo um imenso favor. E assim não dá pra querer, isso é muuuito terceiro mundo. E os comentários que rolam durante a doação! Vocês não querem ouvir. É um despreparo, um serviço que não te passa confiança alguma!!! E o lanche que querem te empurrar na saída? Desculpa, não me olha assim, mas eu vou ter que agradecer. O que posso fazer se foi o pior sanduíche com guaraná que já provei na minha vida?!


Argh! No more. Realidade cruel. Hoje eu fiquei frustrada e indignada, mas acima de tudo inconsolavelmente triste.

4 comentários:

Bruna disse...

Sabe que não fico surpresa com esses acontecimentos. O que é triste, afinal, parece que ser porco, mal-humorado e despreparado é padrão em hospitais.
Deprimente essa situação.
Mas não desiste não, o bem que tu tá fazendo ao doar é muito maior que a falta de consideração desse povinho.
Bjs

a_girl_feeling disse...

Valew o apoio Bruna! Ontem foi heavy metal mesmo, mas com o tempo talvez eu reconsidere. bjss

NIVEX disse...

sem comentarios Natalia é por estes fatos que eu odeio hospitais e essas que se dizem enfermeiras e não são nem um pouco GENTE HUMANA TAMPOUCO estão preparadas para tal destino. FICO DESOLADA com tamanha falta de humanização... snif snif .NIVEX a enfermeira desolada com os atendimentos animais desta raça que se acha mas não é preparada pra atender gente nem bicho... vão se catar......

a_girl_feeling disse...

Pow Nivea, nem me fale, profissionais como vc e a Tia Heide, são exemplos a serem seguidos e respeitados e fazem a gente achar que ainda tem jeito. Esse dia foi punk, mas ainda tenho fé na humanidade! bjsss